Quarta-feira, 11 de Março de 2009

Angola é nossa...

Fala-se muito de temas fracturantes e são quase sempre os mesmos: aborto, casamentos homossexuais, enfim – eu diria que tema fracturante mesmo é, por exemplo, o que rodeia as relações de Portugal com Angola. Por estes dias nota-se mais, com a visita a Lisboa do Presidente José Eduardo dos Santos. Reparemos por exemplo neste post de Luís Pinto no blog O Insurgente: “Parece que hoje vai estar por cá o rei de Angola a visitar o caseiro. Entretanto, parece que os angolanos vão continuar a ter aquilo que merecem e por que lutaram. Infelizmente, ao que parece, nós também”.

Muito critico também, Miguel Marujo pasma no Cibertulia: “Enquanto que os do costume falam dos perigos da liberdade em Portugal, aplaudem a chegada desse grande democrata que é José Eduardo dos Santos. Pasmo, mas a real politik - o dinheirinho, claro! - lixa tudo”.

Num outro registo, igualmente critico mas mais respeitador, Tiago Moreira Ramalho escreve: “é-me especialmente doloroso ver toda a classe política portuguesa quase ajoelhar-se perante Eduardo dos Santos. Fico com a sensação terrível que Portugal, ao investir nas boas relações com Angola, está a compactuar com um regime que, à partida, seria por nós condenado. Somos assim: moralistas (...). Seria bom que fôssemos um bocadinho menos hipócritas e não vendêssemos a alma por meia dúzia de tostões”.

Bom, com maior ou menor respeito, por todo o lado se respira desconfiança, preconceito, e uma ideia firme sobre o que está em causa. Há quem consiga, no entanto, ver o tema de outro modo. Vejamos o que escreve João Carvalho no blog Delito de Opinião: “O Chefe de Estado angolano vem a Portugal em visita amistosa e, ao que tudo indica, apresenta-se aberto ao diálogo. Se assim for, é preciso que nos lembremos de que Angola é, cada vez mais, um destino preferencial dos portugueses que partem empurrados pela crise internacional e pelo desemprego. E (...) é também alvo apetecido dos investimentos nacionais. Perder estes dois aspectos de vista é ignorar os nossos próprios interesses”. Paulo Gorjão, no Vox Pop, vai um pouco mais longe: “A visita (...) vem chamar a atenção para as relações bilaterais (...). Basta olhar de relance para o relacionamento entre Lisboa e Luanda para perceber de imediato que Angola é muito mais importante para Portugal do que o contrário e isso, naturalmente, é um traço que define a identidade da relação”.

Na verdade, a questão da coerência, da seriedade, de ter apenas uma face e uma palavra estão muito para lá de esquerda e direita. Leio Emídio Fernando no blog Correio Preto e ele diz tudo sob o titulo “coerência de aço”: “O Bloco de Esquerda resolveu não participar no encontro na Assembleia da República que juntou Jaime Gama, José Eduardo dos Santos e líderes parlamentares, na visita oficial do Presidente de Angola. O mesmo Bloco de Esquerda homenageou, na mesma Assembleia, 'Nino' Vieira”.

Eis como, de uma assentada, se pode ver até vai a politica real, à esquerda ou à direita. Tanto faz.

publicado por PRD às 19:06
link do post | comentar

PRD

Pesquisar blog

 
Estes textos são escritos para serem “falados”, ou “lidos”, pelo que não só têm algumas marca de oralidade (evidentemente, propositadas...) como é meu hábito improvisar um pouco “em cima deles” no momento em que gravo a rubrica. Também é relevante dizer que, dado tratar-se de uma “revista de blog’s” – e uma vez que os blog’s não se preocupam com a oralidade ou com a eventual citação lida dos seus textos -, tomo a liberdade de editar minimamente os textos que selecciono. Faço-o apenas para que, em rádio, não se perca a ideia do blogger pelo facto de escrever frases longas e muito entrecortadas. Da mesma forma, não reproduzo palavrões nem frases pessoalmente ofensivas, assim como evito acusações cuja possibilidade de prova é diminuta ou inexistente. Sendo uma humilde crónica de rádio, tinha ainda assim de ter alguns princípios. São estes. Quem tiver razão de queixa, não hesite!

Textos recentes

...

Blog da Semana: As Penas ...

Outra vez o casamento ent...

Em dia

Lhasa de Sela

O ritual de Cavaco

2010

Blog do Ano 2009: O Alfai...

O ano 2009 - II

O ano 2009 - I

Arquivos

Outubro 2011

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

favorito

Leituras de sábado

Declaração de voto

Seis anos já cá cantam.

Na melhor revolução cai a...

Subscrever feeds