Terça-feira, 7 de Outubro de 2008

O futebol é mesmo assim...

A Superliga, esta semana, era outra vez mata ou morre. Havia o Sporting-Porto, havia a surpresa chamada Leixões a receber o Benfica. Entre domingo e ontem, só mesmo a crise económica superou o futebol no número de posts da blogoesfera que eu visito diariamente.

E começo mesmo num blog de politica onde o futebol raramente dá ares da sua graça, mas desta vez deu no Arrastão pela caneta de Pedro Vieira, que não ía ao futebol há muitos anos e voltou. A crónica que escreve é notável, não legível na rádio, mas fica a sugestão para ir ler. Noto apenas a rima que Vieira ouviu em Alvalade, gritada para o árbitro, e lhe pareceu “própria de quem acabou de consumir cogumelos mágicos: “sai da frente anormal, pareces um pardal”.

Futebol puro e duro comentado nos blogues, Bruno Sena Martins no Avatares de um Desejo: “Já lá vão uns anos, uma namorada dos tempos de faculdade (...) rogou-me uma praga um tanto difícil de esquecer: "essa tua complacência para com o Jesualdo Ferreira ainda vai ser a tua ruína"». Nem foi, que o Porto ganhou e Hélder Franco, no Geração Rasca, sentiu a derrota na pele: “A questão central permanece, (...) o Sporting voltou a mostrar pouca vontade de ganhar. (...) Paulo Bento tem uma margem muito reduzida para dar a volta a uma equipa que parece estar decidida a mandá-lo embora”. Tomás Vasques vai mais longe: “Constava por aí que, caso o Sporting ganhasse (...), Paulo Bento ia substituir Jesualdo. Caso fosse verdade, o Sporting hoje sofreu uma dupla derrota. Paulo Bento reconheceu (...) que o adversário «foi um justo vencedor». Quer num caso, como no outro, não é difícil esse reconhecimento. O Natal ainda vem longe…”

Avançamos para o segundo jogo forte da jornada, o Leixões-Benfica, e a animação continua, agora com o olhar sobre os encarnados depois do empate: “Resultado justíssimo”, considera Katanec no blog Quatro Quatro Dois, “que penaliza uma segunda parte horrível dos encarnados. Deseja-se uma equipa pragmática e que saiba assumir uma postura defensiva quando necessário, mas o que vimos hoje em Matosinhos foi um verdadeiro exagero, com o Benfica a recuar sucessivamente como se enfrentasse um colosso inglês”. Filipe, no blog Futlol, acha o empate “merecidíssimo”, e D’Arcy, no Tertúlia benfiquista, nota que “Uma segunda parte tão mal jogada, e com tanta falta de ambição, só poderia mesmo acabar castigada da forma que foi”. No Bitaites, Marco Santos considera mesmo que “O Leixões não mereceu empatar o jogo, mereceu ganhá-lo”. E com graça lembra: “Vistas as coisas, o Nápoles até teve sorte: podia ter-lhe calhado o Leixões”.

Aguardo ainda expectante os posts do novo blog “A Dieta de Rochenback”, onde agora se juntam os craques da bola na blogesfera, entre eles os meus heróis Besugo, Maradona e Casanova. Aliás, Maradona num dos seus textos explicou bem o estado difícil em que se encontra a equipa do Sporting e rematou o seu texto assim: “Gostava de ver o Quique Flores ou o Jesualdo Ferreira a treinar estes jogadores”. Teria piada. Rodrigo Moita de Deus é que não pensa assim e no 31 da Armada grita: “Não Tem graça Nenhuma: Hoje o capitalismo morreu e o benfica empatou com o leixões. Maldito Benfica”.

 

publicado por PRD às 19:38
link do post | comentar

PRD

Pesquisar blog

 
Estes textos são escritos para serem “falados”, ou “lidos”, pelo que não só têm algumas marca de oralidade (evidentemente, propositadas...) como é meu hábito improvisar um pouco “em cima deles” no momento em que gravo a rubrica. Também é relevante dizer que, dado tratar-se de uma “revista de blog’s” – e uma vez que os blog’s não se preocupam com a oralidade ou com a eventual citação lida dos seus textos -, tomo a liberdade de editar minimamente os textos que selecciono. Faço-o apenas para que, em rádio, não se perca a ideia do blogger pelo facto de escrever frases longas e muito entrecortadas. Da mesma forma, não reproduzo palavrões nem frases pessoalmente ofensivas, assim como evito acusações cuja possibilidade de prova é diminuta ou inexistente. Sendo uma humilde crónica de rádio, tinha ainda assim de ter alguns princípios. São estes. Quem tiver razão de queixa, não hesite!

Textos recentes

...

Blog da Semana: As Penas ...

Outra vez o casamento ent...

Em dia

Lhasa de Sela

O ritual de Cavaco

2010

Blog do Ano 2009: O Alfai...

O ano 2009 - II

O ano 2009 - I

Arquivos

Outubro 2011

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

favorito

Leituras de sábado

Declaração de voto

Seis anos já cá cantam.

Na melhor revolução cai a...

Subscrever feeds