Quinta-feira, 29 de Maio de 2008

O ultimo combate

 

Vamos então olhar o mundo dos blogues em cima do mundo do PSD – ontem realizou-se o ultimo debate entre candidatos á liderança. Eu não vi na TV, o que torna mais interessante olhar hoje a blogoesfera e ver o rescaldo e os relatórios de contas... Parece que na SIC Noticias os comentadores de serviço deram a vitória a Santana Lopes e Patinha Antão, segunda conta Daniel Oliveira no Arrastão. Mas ele discorda, e não encontra um vencedor claro. Lá vai dizendo, no entanto: “continuo a achar que o ideal para o PSD era mesmo este líder vazio”, Passos Coelho: “Depois enche-se com alguma coisa”.

Bruno Sena Martins, no Avatares de um Desejo, concorda com a ideia da vitória de Patinha Antão e Santana Lopes: “Do ponto de vista político (...), com o "ninguém vos ouve [no Parlamento]" Ferreira Leite deu uma oportunidade de ouro para que os deputados Santana Lopes e Patinha Antão pudessem aparecer com a honra a sangrar pela democracia parlamentar”
Eduardo Pita, no blog Da Literatura, acha que “Não vale a pena tapar o sol com a peneira: Santana Lopes demonstra um fair play e uma convicção que deixa a perder de vista os seus rivais à liderança do PSD. É ele a melhor escolha? Essa avaliação compete a quem vai votar no próximo sábado”.

Duas outras ideias, no sentido de outro candidato, que retiro do blog O Insubmisso: FT diz que Pedro Passos Coelho foi “afirmativo, distintivo e pouco reactivo. Por tudo isso, venceu”.  David Diniz concorda: “não se meteu na guerra de capelinhas do PSD e ganhou. Ferreira Leite fez como Cavaco no debate com Soares: não respondeu aos ataques e saiu por alto. O duelo parece a dois”.

No blog O Insurgente, André Azevedo Alves, no balanaço da campanha, destaca Passos Coelho pela “melhor estratégia de comunicação e a campanha mais profissional”, por contraste com Manuela Ferreira Leite, que terá tido “uma estratégia de campanha verdadeiramente desastrosa”. Pedro Santana Lopes é, na opinião de Azevedo Alves, “o melhor comunicador político entre os actuais candidatos mas uma candidatura fora de tempo”. Paulo Pinto Mascarenhas no blog Atlântico viu “Pedro Passos Coelho e Pedro Santana Lopes conseguiram recuperar terreno na SIC”, ainda que note que Manuela Ferreira Leite continua a ser o centro da campanha eleitoral.

No blog Câmara de Comuns, um dos mais entusiasmados com esta campanha, Carlos Manuel Castro foi o primeiro a analisar o debate de contem, que considerou “melhor do que o da TVI”, e coloca a questão da influência mediática nos resultados eleitorais: “Se Passos Coelho ganhar, (...) é bem provável que a prestação de Ferreira Leite na SIC tenha contribuído para isso”.

Por Fim, João Gonçalves no Portugal dos Pequeninos, em síntese: “Pedro Santana Lopes "venceu" com uma frase essencial: "não quero mais quatro anos de Sócrates." Nem mais, mesmo que, muito provavelmente, não chegue”. Ou seja, a ver por esta amostra, há vitórias para todos os gostos e argumentos para todas as vitórias. Como distinguir ou perceber o julgamento mais acertado? Como numa conversa de café, acreditamos em quem confiamos. Esse é o princípio. Depois, bom, depois no sábado se decidirá quem realmente ganha – logo a seguir o mundo dos blogues começará o debate sobre o sucesso do novo líder.

publicado por PRD às 18:37
link do post | comentar

PRD

Pesquisar blog

 
Estes textos são escritos para serem “falados”, ou “lidos”, pelo que não só têm algumas marca de oralidade (evidentemente, propositadas...) como é meu hábito improvisar um pouco “em cima deles” no momento em que gravo a rubrica. Também é relevante dizer que, dado tratar-se de uma “revista de blog’s” – e uma vez que os blog’s não se preocupam com a oralidade ou com a eventual citação lida dos seus textos -, tomo a liberdade de editar minimamente os textos que selecciono. Faço-o apenas para que, em rádio, não se perca a ideia do blogger pelo facto de escrever frases longas e muito entrecortadas. Da mesma forma, não reproduzo palavrões nem frases pessoalmente ofensivas, assim como evito acusações cuja possibilidade de prova é diminuta ou inexistente. Sendo uma humilde crónica de rádio, tinha ainda assim de ter alguns princípios. São estes. Quem tiver razão de queixa, não hesite!

Textos recentes

...

Blog da Semana: As Penas ...

Outra vez o casamento ent...

Em dia

Lhasa de Sela

O ritual de Cavaco

2010

Blog do Ano 2009: O Alfai...

O ano 2009 - II

O ano 2009 - I

Arquivos

Outubro 2011

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

favorito

Leituras de sábado

Declaração de voto

Seis anos já cá cantam.

Na melhor revolução cai a...

Subscrever feeds