Segunda-feira, 10 de Março de 2008

O 9-M

Espanha continua socialista – e é pela blogoesfera que sigo a noite eleitoral. Começo no blog Corresponsal en Oporto, que se dedicou exclusivamente a cobrir esta campanha, e onde se escreve que “Faltavam poucos minutos para as 21h e já os repórteres contavam que se dançava na sede eleitoral dos socialistas ao som de uma canção de Maná, quem sabe se o sucesso “Amar es combatir [...]”.
Henrique Burnay, no blog 31 da armada, olha os resultados pela direita: “O PP perde, mas pelo menos não tenha ganhar "à bomba". O resto, os erros, as falhas da oposição, os diferentes estilos, tudo isso conta, claro, mas este post é só sobre o aproveitamento que o PP não fez do atentado da ETA. Que isso tenha reduzido a influência da ETA no desfecho eleitoral, é tudo o que se pode desejar”.

No blog O Peão, Zé recorda as desculpas de mau perdedor da direita e volta à carga: “Há quatro anos Zapatero ganhou as eleições gerais em Espanha depois dos trágicos atentados do 11 Março e do vergonhoso comportamento de Aznar. Não faltou quem à direita dissesse que não tinham sido Zapatero e o PSOE quem ganhou as eleições, mas a Al-Qaeda. Hoje os eleitores espanhóis votaram, e tinham a oportunidade de punir Zapatero se acaso se tivessem entretanto arrependido. Com quatro anos de governo de esquerda, posições fortes em questões 'ditas' fracturantes (...) Zapatero ganhou as eleições. (...) Se não é mérito da Zapatero e da esquerda é de quem?”
Fernando Venâncio, no blog Aspirina B, antes ainda dos resultados, vai adiantando sobre maiorias e votos algo em que vale a pena pensar sobre os Populares e Os Socialistas: “Não há espanhóis suficientes a reconhecerem-se quer num quer noutro”.
Daniel Oliveira, no Arrastão, prefere sublinhar a posição á esquerda de Zapatero neste primeiro mandato: “Mesmo que não concorde com tudo, de uma coisa não tenho dúvidas: quando comparado com os restantes partidos socialistas e social-democratas da Europa Zapatero governou claramente à esquerda. (...) Fica a lição: não é preciso guinar à direita para vencer eleições e um governo de esquerda pode conquistar o centro”

No Insurgente, André Azevedo Alves coloca a questão de dupla-forma:
“Pela negativa: Zapatero vence as eleições e continuará no poder. Pela positiva: o PSOE falha a maioria absoluta, o PP cresce e (...) a extrema-esquerda espanhola é praticamente esmagada”.
Num ponto equilibrado do discurso vou encontrar, vejam bem, Pedro Santana Lopes no seu blog pessoal: “Jose Luis Zapatero está de parabéns. Não é fácil, em tempo de crise, repetir vitórias em eleições gerais. Mas importa salientar que o PP conseguiu um progresso maior em relação aos votos de 2004. A distância entre os dois partidos encurtou-se. Estou convencido de que, com outro candidato, o PP ganharia”.
A politica não vive com “ses”, mas com factos. Os factos foram estes, as opiniões também foram estas, os ventos de Espanha continuam a soprar à esquerda.

publicado por PRD às 18:15
link do post | comentar
1 comentário:
De filomeno a 11 de Março de 2008 às 10:31
Don Mariano Rajoy Brey se comportó como el leal lider de la oposición Mr. Michael Howard, el 7 de julio de 2005.........


Comentar post

PRD

Pesquisar blog

 
Estes textos são escritos para serem “falados”, ou “lidos”, pelo que não só têm algumas marca de oralidade (evidentemente, propositadas...) como é meu hábito improvisar um pouco “em cima deles” no momento em que gravo a rubrica. Também é relevante dizer que, dado tratar-se de uma “revista de blog’s” – e uma vez que os blog’s não se preocupam com a oralidade ou com a eventual citação lida dos seus textos -, tomo a liberdade de editar minimamente os textos que selecciono. Faço-o apenas para que, em rádio, não se perca a ideia do blogger pelo facto de escrever frases longas e muito entrecortadas. Da mesma forma, não reproduzo palavrões nem frases pessoalmente ofensivas, assim como evito acusações cuja possibilidade de prova é diminuta ou inexistente. Sendo uma humilde crónica de rádio, tinha ainda assim de ter alguns princípios. São estes. Quem tiver razão de queixa, não hesite!

Textos recentes

...

Blog da Semana: As Penas ...

Outra vez o casamento ent...

Em dia

Lhasa de Sela

O ritual de Cavaco

2010

Blog do Ano 2009: O Alfai...

O ano 2009 - II

O ano 2009 - I

Arquivos

Outubro 2011

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

favorito

Leituras de sábado

Declaração de voto

Seis anos já cá cantam.

Na melhor revolução cai a...

Subscrever feeds