Segunda-feira, 6 de Julho de 2009

Ronaldo, Jackson, Pires...

O fim-de-semana foi diversificado, muito vivo e dinâmico, e a semana também começa sem tempos mortos. Hoje, por exemplo, morte e vida juntam-se no mediatismo dos tempos que correm, e que João Gonçalves caracterizou escrevendo “O Ser e o tempo”: “As televisões anunciam emissões especiais. Para quê? Naturalmente para Ronaldo, em Madrid, e para as cerimónias funèbres de Jackson, em Los Angeles. We are the world, we are the children. E não queremos ser outra coisa”.

Na verdade, por mais que isso irrite e incomode o autor do Portugal dos Pequeninos, Ronaldo e Jackson são duas faces da mesma moeda – e de um tempo definido por ícones, por estrelas, por sonhos e ambições que ficam sempre do lado de lá das vidas comuns. Escreve Nuno Dias da Silva no Civilização do Espectáculo: “O jornal que mais vende em Espanha, «Marca», (...) que está para o Real Madrid como «A Bola» está para o Benfica, (...) alinha na fenomenal jogada de marketing de Florentino Perez e, na segunda-feira, (...) distribui, gratuitamente, um «superpóster» (...) de Cristiano Ronaldo, com a «colaboração» do Banco Espírito Santo. Ficam todos contentes e a lucrar com o mega-negócio. A caça ao homem em Madrid vai começar na próxima semana. No fundo, no fundo, no meio disto tudo, o futebol é o que menos interessa. A indústria elevou Cristiano ao nível de uma estrela da música ou do cinema”.

Lá está, direitinho, tal como sucede com Michael Jackson. Felizmente, os blogues são muitos e muito diversos, o que permite nesta segunda-feira viajar por outros temas. Por exemplo, o facto do PS ter impedido agora os seus candidatos a autarquias de serem tam bem candidatos s deputados. O social-democrata Pedro Santana Lopes comenta a noticia no blog com o seu nome: “Pediram a esses candidatos que disputassem Câmaras difíceis, com a garantia de que seriam Deputados e, agora que já apresentaram as candidaturas, já têm outdoors e tudo, é que lhes dizem que já não podem integrar as listas para as eleições Legislativas. Anda tudo mesmo complicado, lá pelo Largo do Rato...”.

Outro tema que inspirou a blogoesfera no fim-de-semana foi o anúncio da pianista Maria João Paris de se nacionalizar brasileira, farta que está, diz ela, de ser maltratada pelos poderes em Portugal; Carlos Guimarães Pinto, no Insurgente, acha que é “uma parasita a menos em Portugal” e diz que “até para o nosso estado socialista a chantagem tem limites. A estratégia de extorsão de Maria João Pires acabou por correr mal, (...) decidiu abandonar a nacionalidade portuguesa e partir para o Brasil. Era bom que os restantes parasitas lhe seguissem o caminho”. Tomás Vasques chama “prima-dona” à pianista e Tiago moreira Ramalho, no corta-fitas, nota que

“uma certa esquerda (está) indignadíssima com a traição à pátria de Maria João Pires” e pergunta: “Se acaso o governo contra o qual Maria João Pires se insurge fosse de uma outra cor, de uma qualquer outra cor, será que assistiríamos ao mesmo?”

É o reino dos nossos internacionais: Maria João Pires incomodada, Cristiano Ronaldo feliz. Hoje, pelo hoje, Ronaldo conta mais para o campeonato.

publicado por PRD às 00:04
link do post | comentar

PRD

Pesquisar blog

 
Estes textos são escritos para serem “falados”, ou “lidos”, pelo que não só têm algumas marca de oralidade (evidentemente, propositadas...) como é meu hábito improvisar um pouco “em cima deles” no momento em que gravo a rubrica. Também é relevante dizer que, dado tratar-se de uma “revista de blog’s” – e uma vez que os blog’s não se preocupam com a oralidade ou com a eventual citação lida dos seus textos -, tomo a liberdade de editar minimamente os textos que selecciono. Faço-o apenas para que, em rádio, não se perca a ideia do blogger pelo facto de escrever frases longas e muito entrecortadas. Da mesma forma, não reproduzo palavrões nem frases pessoalmente ofensivas, assim como evito acusações cuja possibilidade de prova é diminuta ou inexistente. Sendo uma humilde crónica de rádio, tinha ainda assim de ter alguns princípios. São estes. Quem tiver razão de queixa, não hesite!

Textos recentes

...

Blog da Semana: As Penas ...

Outra vez o casamento ent...

Em dia

Lhasa de Sela

O ritual de Cavaco

2010

Blog do Ano 2009: O Alfai...

O ano 2009 - II

O ano 2009 - I

Arquivos

Outubro 2011

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

favorito

Leituras de sábado

Declaração de voto

Seis anos já cá cantam.

Na melhor revolução cai a...

Subscrever feeds